terça-feira, 25 de novembro de 2008

AS APARÊNCIAS ENGANAM

O campeonato é, de longe, o mais disputado da era de pontos-corridos. Questiona-se, contudo, se o nivelamento se deu pela alta ou pela baixa qualidade atual dos times.

Se comparado com as maiores competições do mundo, o nível do Brasileirão está baixo. Para se ter uma noção, na temporada 2007/2008 o Campeão Inglês, Manchester United, chegou aos 87 pontos. A Inter de Milão foi campeã italiana com 85, mesma pontuação do Real Madrid, atual campeão da Espanha.

No Brasil, o time que mais pode somar pontos é o São Paulo que, se vencer seus 2 jogos restantes, chega ao máximo de 77 pontos. Ruim? Em termos nacionais, não.

Desde que o sistema de pontos corridos foi implantado em 2003, o maior aproveitamento pertence ao Cruzeiro, que alcançou 72,4% dos pontos. Em seguida vem o São Paulo que, em 2006, chegou aos 68,4% de aproveitamento e no ano seguinte alcançou 67,5%, mesmo percentual que pode alcançar este ano caso vença o  Fluminense na próxima rodada e o Goiás, dia 07 de dezembro, data de encerramento da edição.

Se as aparências enganam, fica a certeza de que não foi nem o Campeonato nem o São Paulo que caíram de produção, os outros times é que se superaram, e justamente por isso ainda não sabemos quem é o grande campeão.  

2 comentários:

vinicius disse...

gata!
a matéria ta muito foda...
ótimo texto...
ótimas informações...
português perfeito...
mas ai no final vc deslizou...

=/
.
.
.
.
.
.
.
.
.
afinal...





nós dois já sabemos quem é o grande campeão!
=]

Larissa Rodrigues disse...

arghhhhhhhhhhh

promessa
macumba
reza brava
tudo pro são paulo
NÃO SER CAMPEÃO

hihihi

bjo assessora