quarta-feira, 23 de junho de 2010

NÚMEROS 2ª RODADA COPA 2010


Melhorar gradativamente. Essa é tendência desta edição da Copa do Mundo. Quem comprova são os números da 2º rodada, bem mais expressivos que os dos jogos de estreia. A começar pelo número de gols. Em 16 jogos, a rede foi balançada 42 vezes, média de 2,6 por partida, bem superior ao 1,56 da primeira rodada e também às últimas duas copas: 2006 teve média de 2,3 gols por partida e 2002, 2,5! Os maiores créditos são do Uruguai, que fez 3 x 0 na África do Sul; da Argentina, que fez 4 x 1 na Coreia do Sul; e, claro, de Portugal, que goleou a Coreia do Norte por 7 x 0, maior placar da Copa 2010, e sexta maior goleada de todos os mundiais. Na artilharia chamam a atenção Higuain, da Argentina, que fez o chamado “hat trick”, ou seja, 3 gols em uma mesma partida, se igualando a Stabile e Batistuta, os únicos hermanos a conseguirem o mesmo feito. O último jogador a fazer isso em uma Copa foi Klose, em 2002. Neste Mundial, ele briga pra se tornar o maior goleador de todas as edições: faltam apenas 5 pra ultrapassar o recordista Ronaldo. Nesta rodada, ele acabou expulso, prejudicando a seleção alemã. O cartão vermelho mais contestado, contudo, foi de Kaká, provocado pelo marfinense Keita, e tirado de campo pelo confuso árbitro Stephane Lanoym já afastado da Copa. Essa foi a 3ª expulsão do meia em toda a sua carreira. A Suiça se destacou por se tornar a melhor defesa de todas as Copas: passou 9 horas e 8 minutos sem levar gols, batendo o recorde que era da Itália, que entre as Copas de 86 e 90, ficou 9 horas e 1 minuto sem ser furada. O melhor jogo não foi das seleções favoritas, mas de Camarões e Dinamarca. A Espanha se reabilitou. Mas zebras não faltaram. A França, além de levar um 2 x 0 do México e praticamente se despedir da Copa, protagonizou brigas, protestos e greves que vão marcar pra sempre a história das Copas. A Grécia fez seu 1º gol em Mundiais e conseguiu sua 1ª vitória, o que rendeu até ameaças de morte ao nigeriano Sani Kaita, expulso infantilmente. Eslovênia e Argélia seguraram os favoritos Estados Unidos e Inglaterra. A Sérvia venceu a toda poderosa da 1ª rodada, a Alemanha. E, pra finalizar, a Nova Zelândia conseguiu um honroso empate contra a atual campeã mundial, Itália, que corre o risco de ficar fora já na primeira fase.

Um comentário:

lucioriodejaneiro disse...

Monara Me adicione no seu grupo de amigos do Orkut. Esse orkut é novo, uma conta nova, pois desativei a conta antiga. Atualizarei quando tiver tempo. Beijos
ORKUT: Locutor Lúcio Maravilha
ALEGRIA DE POBRE DUNGA POUCO
Acabou a Seleção, Viva a Eleição. Vamos as urnas escolher o novo técnico do Brasil, porque alegria de pobre Dunga pouco. Viva o Brasileirão, com o Galo Campeão. Dunga e seus 23 anões foram apenas uma história de conto de fadas, que cantam: eu vou, eu vou, pra casa agora eu vou. Acabou a Seleção, Viva a Eleição. Se não escolher direito, os políticos te detonarão. Somos 190 milhões de torcedores, e não sabemos votar direito, por isso temos o país que merecemos. Enquanto o povo se embriaga com a Copa do Mundo 2010, os políticos votam na surdina as leis mais absurdas no Congresso Nacional. Esse é o Brasil. Os gatos descuidam e os ratos fazem a festa.
E-mail: lucioriodejaneiro@yahoo.com.br